Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Uptown Girl

Blog Pessoal. Aqui fala-se sobre tudo e sobre nada.

Uptown Girl

Blog Pessoal. Aqui fala-se sobre tudo e sobre nada.

Não ao cabelo seco e/ou sem brilho

Apesar de não ligar a mínima para o cabelo (felizmente ele faz tudo sozinho e é hiper forte) a minha cabeleireira sempre me disse que devia usar de vez em quando uma máscara para hidrata-lo.

Como provavelmente acontece com a maior parte das pessoas, não liguei na altura.

Mas, dado que tenho lavado com mais frequência o cabelo por causa do ginásio, comecei a considerar a hipótese de comprar (finalmente) uma máscara.

A questão (muito pertinente) é: Que máscara comprar? 

Existem diversos tipos de máscaras capilares, mas no geral, estão divididas em 3 grupos: as que hidratam, nutrem e restauram as pontas/cabelo espigado.

 

 

Qual a melhor máscara para cada tipo de cabelo?

 

Cada cabelo apresenta uma necessidade diferente de tratamento. Geralmente, através do rótulo conseguimos perceber qual é a função da máscara (hidratar, nutrir ou reparar) mas, há ainda que ter em conta outros fatores como o tipo de cabelo e frequência de uso.

 

 

1. Cabelos secos

Este é um problema que pode afetar qualquer tipo de cabelo e não apenas os que têm coloração. Todos os tipos de cabelo têm tendência a secar quando expostos ao sol, piscina, alisamentos, quimicos e por isso deve-se hidratá-los com uma máscara.

Tipos de máscara:  máscaras com alto nível de hidratação para o cabelo ficar mais sedoso e macio.

Que ingredientes deve ter a máscara? Máscaras com manteigas naturais como as de castanhas do pará e karité que podem ser associadas aos óleos de coco, macadâmia e óleo de argan.

Frequência de utilização: usar duas vezes por semana até  notar melhoras e depois disso, fazer manutenções a cada quinze dias.

 

 

2. Cabelos sem brilho

Cabelos sem brilho podem ser indicativos de diversos problemas, entre eles a falta de nutrientes.

Tipos de máscara: máscaras de nutrição pois estas vão devolver brilho e vitalidade ao cabelo

Que ingredientes deve ter a máscara? Máscaras com algas marinhas, pantenol e aloe vera.

Frequência de utilização: usar uma vez por semana ou quando houver necessidade

 

 

3. Cabelos crespos e cacheados

Este tipo de cabelo pode necessitar de cuidados extra devido à dificuldade de receber a oleosidade natural produzida pelo couro cabeludo e por isso, tendem a ser mais secos.

 

Tipos de máscara: máscara de hidratação e reparação intensa

Que ingredientes deve ter a máscara? máscaras com óleo de coco, cacau, vitamina b5, proteína do trigo, proteína da soja, garantem hidratação e reparação intensa definindo melhor os cachos e retiram efeito frizado.

Frequência de utilização: aplicar em todas as lavagens

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.